domingo, 27 de novembro de 2016

EVANGELHO SÃO MATEUS 3,1-12 2º DOMINGO DO ADVENTO - ANO "A"- Leituras: 1ª Is 11,1-10; Sl 71; 2ª Rm 15,4-9 - Cor litúrgica roxa - PREPARAR PARA ACOLHER O SENHOR!


         PREPARAR-SE PARA ACOLHER O SENHOR QUE VEM!


1 Naqueles dias, apareceu João Batista pregando no deserto da Judeia:2 “Convertei-vos, porque o Reino dos céus está próximo”.3 João foi anunciado profeta Isaías, que disse: “Esta é a voz daquele que grita no deserto: preparai o caminho do Senhor, endireitai suas veredas!”4 João usava uma roupa feita de pelos de camelo e um cinturão de couro em torno dos rins; comia gafanhoto e mel do campo.5 Os moradores de Jerusalém, de toda Judeia e de todos os lugares em volta do Rio Jordão vinham ao encontro de João.6 Confessavam seus pecados e João os batizava no Rio Jordão.7 Quando viu muitos fariseus e saduceus vindo para o batismo, João disse-lhes: “Raça de cobras venenosas, quem vos ensinou a fugir da ira que vai chegar? 8 Produzi frutos que provem a vossa conversão.9 Não penseis que basta dizer: “Abraão é nosso pai”, porque eu vos digo: até mesmo destas pedras Deus pode nascer filhos de Abraão.10 O machado já está na raiz das árvores, e toda árvore que não der bom fruto será cortada e jogada no fogo.  11 Eu vos batizo com água para a conversão, mas aquele que vem depois de mim é mais forte do que eu. Eu não sou digno de carregar suas sandálias.12 Ele vos batizará com o Espírito Santo e com fogo. Ele está com a pá na mão; ele vai limpar a sua eira e recolher seu trigo no celeiro; mas a palha ele queimará no fogo que não se apaga”.

Palavra da salvação.
Glória a vós, Senhor!


Queridos irmãozinhos, povo amado de Deus, o Evangelho deste 2º Domingo do Advento é o de São Mateus, aproxima-se o Natal; tempo de alegria e esperança. É neste espírito de confiança no Senhor, que a comunidade se reúne, para agradecer e celebrar a vida. 

Inspirados na mesma esperança do profeta Isaías, acolhamos o redentor em nossa vida, para que a conversão anunciada por João Batista aconteça de fato em nossos corações. "Convertei vós, porque o Reino dos céus está próximo!" (Mt 3,2)

A liturgia de hoje nos faz ouvir as vozes dos dois maiores pregadores do Advento: Isaías e João Batista. O anúncio destes dois profetas alimentou a expectativa de gerações: "Eis que uma virgem conceberá e dará à luz um filho.

  João Batista foi aquele que anunciou a vinda iminente do Messias e já em ato  com a presença do Senhor dizia em alta vóz: "Está para chegar alguém que é maior que eu, e eu não sou digno de carregar suas sandálias. (Jo 1,27)

 Cantemos hoje com alegria ao Salvador que vem! "Eis que de longe vem o Senhor,/para as nações do mundo julgar/ e os corações alegres estarão,/ como numa noite em festa a cantar.


 Vamos agradecer esse Deus maravilhoso, que  veio até nós, revelar o rosto amoroso do Pai. É o mesmo Deus que veio ao nosso encontro, que está no meio de nós, e que virá pela segunda vez, conforme prometeu o Senhor! ( Mt 25,31-46)

Todo Advento quer seu precursor. João Batista é o último precursor; o ultimo profeta, aquele que viu o Messias, e o apontou : É ele "o Cristo desejado, o prometido!" É ele, aquele que lhes falei, "Ele é o cordeiro de Deus que tira os pecados do mundo! ( Jo 1,29-34)

Aquele que vem, não sou digno de de carregar suas sandálias!  Jo 1,27
João Batista é o precursor de todos os profetas, o arauto que anuncia, prepara os ânimos, despertando a atenção, para que aquele que vem, seja esperado, desejado e acolhido; e que sua vinda não passe despercebida.

 Por isso  a Igreja neste belíssimo tempo, nos exorta a lembrar de  João Batista, que anunciava em alta voz, como diz o profeta Isaías na primeira leitura. "Convertei-vos, e credes no Evangelho, porque o Reino dos céus está próximo!" ( Jo 3,2)

Podemos meditar neste tempo do Advento, como um tempo de espera e preparação ao nosso cotidiano, também nossa vida espíritual, esperar o Rei Jesus que vai chegar.

 Na antiguidade, quando uma personagem importante; um rei ou imperador ia passar em determinados lugares de suas províncias, enviavam emissários a frente das suas comitivas preparando o povo para o advento do rei.

 Eram  arautos, que iam anunciando que o rei ia passar; para fazer justiça  e promover a paz, caso, houvessem alguma injustiça naquele lugar, para serem justificadas, na sua  passagem seriam todas executadas.



 Por isso naquela região, para os habitantes, era um tempo de mudanças de se reatarem suas amizades, de pedirem perdão uns aos outros, pagar e perdoar as suas dívidas, para que, quando o rei chegasse encontrassem tudo em ordem e paz.

 As estradas eram arrumadas, as pontes bem feitas, para que não precisassem serem julgados por má administração, era um tempo bonito de conversão, a população saíam ao encontro do seu rei, em grande pompa e festa.

 Olhando para a historinha do Rei e seus súditos, saibamos neste tempo esperar e acolher, o Rei da glória que está para chegar neste Natal.


 Irmãozinhos, vimos no Evangelho de Domingo passado, as profecias dos sinais precursores, da segunda vinda gloriosa de Cristo.

 As profecias diz: "haverá sinais no céu, na terra e nos astros para a sua ultima vinda, e muitos outros acontecimentos de tribulação na humanidade". Tribulação, doenças, fome, injustiças, guerras é o que não nos falta nestes tempos finais!

 Mas há uma outra vinda de Jesus, uma à do meio, que está acontecendo na história do nosso hoje. Jesus está presente em nosso meio, presente em nossos irmãos, presente na palavra anunciada, e presente na sagrada Eucaristia. "Deus Emanuel conosco!"

 Olhando para as profecias, se Jesus não vem agora, estamos indo ao seu encontro, não sabemos a hora nem o dia do fim da nossa existência, o grande dia "D". 

Que o Senhor nos encontre em paz, lutando contra o pecado, buscando  santidade de vida, puros e santos! (2 Pd 14)


 João Batista no Evangelho de hoje, nós exorta à uma verdadeira conversão. “Convertei-vos, porque o Reino dos céus está próximo!"

Irmãozinhos! Sabemos que não é fácil nestes finais de tempos falar de conversão, pois a incledulidade,  os falsos profetas anunciam seu próprios evangelhos fundamentalistas, à seus próprios pastoreios.

 Pregam, um reino de imanência, um reino só para esta vida, como se não fossemos morrer, fossemos  só para esta vida. Irmãozinhos! Ouçamos hoje a voz de Deus pela boca do profeta Isaías que nos diz:


“Esta é a voz daquele que grita no deserto: Preparai o caminho    do Senhor, endireitai suas veredas!" 

 Na segunda leitura de Paulo, o texto nos diz: “Por isso, acolhei-vos uns aos outros, como também Cristo vos acolheu, para a glória de Deus!” (Rm 15,7)

Então o que fazermos, para trilhar pelo caminho do Senhor? Para o Evangelista Mateus já naquele tempo, o essencial é buscarmos em primeiro lugar o Reino de Deus e sua justiça. (Mt 6,33)

 Nos caminhos do mundo, temos tantas injustiças, tantas desigualdades sociais e exclusões. Não basta dizermos que vivemos num País cristão; temos que produzirmos bons frutos, frutos para o Reino dos céus.


 Que mostremos ao povo descrente, nossa conversão e permitamos que o Menino Jesus, renasça em nossos corações neste Natal, principalmente em nossas ações.

Também antes de nos colocar em “estado de confissão”, devemos colocar-nos em “estado de conversão”; isto é converter-nos, antes de falarmos aos outros da necessidade de conversão. 


 Queridos irmãozinhos, na comunhão da Santa Missa de hoje, vamos acolher Jesus Eucarístico com as palavras maravilhosas do Batista:

 Eis o Cordeiro de Deus que tira os pecados do mundo...” “Senhor, eu não sou digno (a) de que entreis em minha morada, mas dizei uma palavra e serei salvo! (a) Amém!

Jesus é o Senhor!

JESUS É O SENHOR! joseinacioh.blogspot.com -TEXTO ELABORADO DO LIVRETO LITURGICO  DEUS CONOSCO dia a dia Pg 28-31.120 2º DOMINGO DO ADVENTO - EVANGELHO SÃO MATEUS 3,1-12 - Ano liturgico "A" 2017 -- Reflexão sobre a palavra de Deus - ano "A" "O VERBO SE FAZ CARNE" DE RANIERO CANTALAMESSA.Pg 20-22 - 




Nenhum comentário:

Postar um comentário